Essa semana eu quero falar sobre um assunto um pouquinho diferente. É um assunto que anda lado a lado com os preparativos do casamento mas que às vezes a gente deixa de lado. Ficamos tão preocupadas (e empolgadas) com a cerimônia e com a festa de casamento que acabamos nos esquecendo desse “detalhe”.  Estou falando da preparação da casa nova. Do seu novo lar, o espaço onde você e seu noivo (que a essa altura já será marido) mais vão passar tempo juntos. O berço da sua nova família.

E para dar essas dicas eu convidei uma designer de interiores, a Analu Guimarães (ela tem um canal no You Tube cheio de dicas de decoração, passa lá pra conhecer!) que com certeza entende bem mais dessa história do que eu!

frufru

1. Contrate um profissional

Assim que decidirem onde vão morar é hora de contratar um profissional que vai ajudar vocês a elaborar todo o projeto da casa nova.

Um bom e detalhado projeto de decoração vai te ajudar a economizar e a ter uma casa linda e prática. Se vocês forem reformar, podem procurar o designer com um ano de antecedência. Se for somente decorar, seis meses antes é o ideal.

Eu sei que muita gente tem preconceito e acha que contratar um profissional para decorar a casa é coisa de “gente rica” . Mas saiba que isso é um enorme engano, viu? As pessoas também acreditavam nisso em relação aos cerimonialistas e assessores de casamento até bem pouco tempo atrás. Mas hoje (ufa!) os casais já perceberam que se você contratar um bom profissional a matemática é o inverso, você economiza!

Um bom designer vai te ajudar a encontrar peças chaves, a ter descontos mais interessantes e a planejar a sua casa de forma mais eficiente. E o bônus disso tudo é ainda ter uma casa linda e aconchegante para começar a sua vida a dois!

frufru

2. O ap alugado também pode ser decorado

Muita gente acha que pelo fato de estar em um apartamento alugado não vale a pena investir no espaço. Mas o que acontece é que por isso, o casal vai vivendo por anos em uma casa sem charme, improvisada e sem graça.

E sabe o pior? Isso interfere até no relacionamento do casal, que não sente prazer em ficar juntos na própria casa. Convidar amigos e família? Jamais, porque a casa não é convidativa e eles ficam sem graça.

Procure um profissional que vai te ajudar a pensar numa decoração feita com móveis e objetos coringas, que depois poderão ser aproveitados quando você se mudar.

Procure móveis e peças de decoração mais atemporais, e que sejam simples de serem “encaixados” numa outra proposta de decoração.

frufru

3. Faça suas listas de presentes baseadas no projeto de decoração

Já falei isso aqui no blog mas é sempre bom repetir: quando for montar as suas listas de presentes, não peça itens aleatórios, soltos. Mesmo que eles sejam belíssimos. Eu sei que quando a gente vai pessoalmente nas lojas escolher os presentes para a lista nós ficamos empolgadíssimas com tantas coisas lindas que acabamos escolhendo de tudo um pouco.

E aí, quando você começar a receber esses presentes em casa vai perceber que montou um perfeito Frankstein. Cada coisa num estilo, numa cor e nada “conversando” com nada.

Eu fiz isso e até hoje “apanho” com isso porque tenho coisas de estilos muito variados e completamente diferentes!

Mas se você, na hora de montar a sua lista de presentes de casamento, tiver um projeto de decoração em mãos, vai poder fazer escolhas muito mais assertivas.

dicas-casa-nova

frufru

4. Tenha um quarto pivô

É muito comum os casais deixarem um quarto da casa em stand by (normalmente para o futuro bebê, que virá em alguns anos). Maaas, vamos combinar que essa não é uma decisão muito inteligente, né? Você fica anos com um espaço inútil e mal aproveitado dentro de casa.

E o que acontece é que esse quarto vira o quartinho da bagunça, onde você coloca tudo que quer esconder e não aproveita como poderia.

Mas a ideia da Analu é perfeita; crie um quarto multiuso desmontável que poderá ser transformado facilmente a qualquer momento. Pode ser um escritório, uma sala de vestir, um quarto de ginástica… Mas a ideia é aproveitar esse quarto de forma mais produtiva e funcional.

frufru

5. Foque em ter uma cozinha prática

Os recém casados normalmente não tem muita habilidade na cozinha, então o ideal é montar um projeto de cozinha em que ela seja bem equipada e otimize os processos diários.

É importante que vocês observem os processos do ato de cozinhar para projetarem uma cozinha que facilite essa atividade. Para que você não tenha que ficar indo e voltando dentro da própria cozinha de forma ineficiente.

Pense em eletrodomésticos que vão facilitar a sua vida!

frufru

Eu amei essas dicas e gostaria muito de ter ouvido isso antes de me casar porque eu cometi todos os cinco erros que ela citou! E vocês? O que acharam? Quero saber a opinião de vocês!

frufru

 

E para assistir esse bate papo em vídeo é só clicar no play:

frufru