Amsterdã é uma cidade muito romântica!!

Em geral só ouvimos falar de Amsterdã nas reportagens sobre liberalização de drogas e a legalização da prostituição. Mas há mais que se dizer sobre a cidade além da sua liberalidade.

Estive em Amsterdã em 2009 (quanto tempo! Começando a achar que tá na hora de voltar!!) e foi a primeira cidade da Europa que conheci. Amor à primeira vista, totalmente.

lua de mel em amsterda lua de mel em amsterda

Amsterdã é cortada por cem canais, com mais de mil pontes! Não é à toa que foi apelidada de Veneza do Norte.

A arquitetura do século XVII inspira o romantismo.  Mas um romantismo não tão piegas fofo quanto a Veneza verdadeira, sabe? É delicioso passear pelos canais e admirar as lindas construções da cidade, mas Amsterdã tem ares contemporâneos, um pessoal bem antenado andando pelas ruas, não tem aquele arzinho antigo, melancólico não, sabe?

lua de mel em amsterda

lua de mel em amsterda

As bicicletas que circulam pela cidade toda (há uma bicicleta para cada dois habitantes) também conferem um ar especial à Amsterdã. Vale a pena alugar uma bicicleta para dar uma volta.

Mas cuidado, elas são usadas como meio de transporte pelos moradores, que possuem ciclovias movimentadas e cheias de regras. Não dá pra ficar passeando despreocupadamente.

lua de mel em amsterda

Outro atrativo fantástico para quem gosta de respirar cultura são os famosos museus: Van Gogh, Rijksmuseum e o Anne Frank (que fica no próprio edifício onde ela e mais sete pessoas ficaram escondidos por 25 meses – eu fui e é pra arrepiar mesmo. Quem leu o livro se emociona com certeza).

lua de mel em amsterda lua de mel em amsterda

Próximo a Amsterdã vale a pena visitar o Keukenhof, um parque maravilhoso onde são plantadas milhares de tulipas, das mais diversas cores. Um espetáculo!!

Quem gosta de fotografia enlouquece lá porque os canteiros gigantes de tulipas coloridas são cenários maravilhosos. Meu marido (que na época era noivo) e  eu tiramos fotos belíssimas que amo até hoje!

lua de mel em amsterda

Se quiser badalação passeie pelas zonas boêmias como o Red Light District (onde as prostitutas ficam expostas numa espécie de vitrine e tem dezenas de sex shops e casas de shows). E se divirta nos bares e restaurantes de Leidseplein, tomando um bom vinho ou mesmo uma boa cerveja holandesa.

lua de mel em amsterda