Os mini weddings são cada vez mais uma tendência na escolha dos noivos. Essa onda começou na Europa e tem sido absorvida rapidamente por aqui. Mas não é à toa.

O que faz com que as noivas cada vez mais se encantem por esse formato de recepção nem sempre é economia que pode ser feita com o mini wedding pelo fato dele se restringir a um máximo de 100 convidados. Nem tampouco o simples fato deste modelo estar em alta, ser tendência. Se engana também quem imagina que uma possível informalidade seja seu principal atrativo, até porque ele está mais ligado a intimidade do que a informalidade em sua essência.

7ed76f77346f560ff5d53bd242106300

A escolha por uma recepção mais íntima está ligada a todo um movimento que tem crescido cada vez mais com a intenção dos noivos de transformarem todo o ritual do casamento num momento mais pessoal.

8f465f9c74d6aff90273ac84caf767f0

E isso tem se manifestado em vários momentos: na hora de decidir o famoso “dia da noiva” elas tem, muitas vezes, optado por profissionais que as atendam em casa. Se preparar para o casamento junto da família, no seu ambiente tem sido a preferência. A impessoalidade do “dia da noiva” nos salões tem afastado muitas noivas que querem mesmo é que as fotos do seu making of sejam mais que fotos do seu momento embelezador. Elas querem que as fotos traduzam seus últimos momentos na casa dos pais, seu quarto de solteira, sua personalidade, sua família.

A aura romântica dessas escolhas e até mesmo um pouco saudosista pode ser percebida até no fato dos elementos vintages estarem presentes no imaginário de 9 entre 10 noivas. A renda voltando com força total nos vestidos, as voilletes, os laços e as flores quase sempre presentes nos vestuários… Muitas noivas querendo se casar com os vestidos usados por suas mães! Aliás, o casamento dos pais é a fonte de inspiração de vários casais.

8f465f9c74d6aff90273ac84caf767f0

Na decoração as velas e muitas, muitas flores são os principais ícones desse romantismo.Relicários e camafeus enfeitam os bouquets das noivas que ainda aproveitam a beleza do objeto para homenagear parentes ausentes.

Tudo muito pessoal, personalizado. Mas não estamos falando de personalização onde o casal cria uma identidade visual e a espalha pelo casamento. Falamos de uma personalização maior, que rompe tradições e trata os detalhes como únicos para aquele núcleo, aquela família.

O casamento tem perdido a sua cara de evento social em que os noivos querem e se sentem na obrigação de convidar todos os conhecidos e parentes e se tornado um ritual familiar, íntimo, que só deve ser compartilhado com as pessoas mais próximas da vida do casal.

b2f7f1a7bb1f6e42bbe98c5f8cc9f7ab

 

E os mini weddings definitivamente agregam muito bem os elementos românticos, saudosos, vintages e individuais. Eles abrem espaço para que a cerimônia e recepção sejam autênticas e tenham a ver com o sonho de cada casal. E quer saber do que mais? A gente adora isso! Viva a autenticidade!

(Escrito por Bel Ornelas e Myriam Leticia Kalvan)

Frufru

FIQUE DE OLHO!

– Os mini weddings podem representar economia e despojamento, mas também podem ser mini eventos de luxo, depende do planejamento e do estilo que você quer dar a ele!

– Devido à quantidade menor de convidados, os noivos não precisam alugar um grande salão para festas: o mini wedding pode ser feito na casa dos noivos, dos pais dos noivos ou até em um restaurante bacana que os noivos gostam.

f3da87be3812190ef8c0201b1fece3bd

 

– Capriche na escolha dos fornecedores, pois em um evento menor, os detalhes tendem mais a aparecer. A decoração pode ser profissional ou homemade, o importante é ser caprichada e detalhada.

– Brunch, almoço, coquetel ou jantar? Há várias opções que você pode escolher. Mas os docinhos, o bolo (ou cupcakes) e os tradicionais bem-casados dão uma linda aparência na festa. Um bom vinho ou espumante para servir também é uma boa pedida.

af84c51f6751c0ffdc67bceb67e4a129

Música também cai bem, se vocês quiserem. Pra noivos mais tranquilos, um piano, um violino, uma harpa, uma banda de jazz, uma bossa… para noivos mais baladeiros, até um DJ pode, por quê não? Tudo só precisa ser bem planejado e bem pensado!

– E lembre-se: Fotografia e vídeo é o que ficam! Registre esse momento! Invista num bom profissional.

Frufru

Já viu o vídeo onde eu falo sobre cada detalhe do mini wedding?