Já imaginou um casamento em pleno carnaval?

Esse é um daqueles casamentos que eu morro de alegria de poder mostrar para vocês! Porque é único.

A Suelen e o Tomás são um casal cheio de personalidade e não tiveram medo de colocar toda a sua autenticidade no casamento. Para começo de conversa, eles optaram por se casar em pleno bloquinho de carnaval. Mas não foi só isso! Cada um dos detalhes e das escolhas deles foi feita de forma consciente e autoral.

Venha se inspirar e se apaixonar por esse casal único!

frufru

Loucuras também são possíveis de acontecer

“Planejamos o Carnamento todo por conta própria e em 4 meses! Loucuras também são possíveis de acontecer, rs.

Eu sou produtora há 6 anos então entendo bem de logística e planejamento. Como já queria entrar no universo de casamentos ajudando outras noivas a darem vida a sua ideia de casamento, resolvi testar no meu próprio casamento fazendo uma cerimônia completamente personalizada.

E foi assim que o meu casamento dos sonhos tomou forma. Deixando de lado todo o tradicionalismo e entrando em campo aquilo que fazia sentido pra mim, minha personalidade e a do meu noivo.

frufru

Somos apaixonados por carnaval

Somos apaixonados por carnaval e já falávamos sobre nos casar em um bloquinho há algum tempo. Então foi daí que a ideia surgiu.

Depois de muito pensar em possibilidades, optamos por nos casarmos em uma praça pública, num casamento aberto aonde qualquer um poderia participar.

Contratamos uma bandinha pra dar o ritmo de carnaval. E pedimos para todos os convidados entrarem no clima junto com a gente. E assim foi: estávamos todos de adereços e nossos convidados não sentiram medo de colocar glitter na cara e cor no visual.

frufru

Nossos detalhes personalizados

Optamos por convidar madrinhas e padrinhos que fizessem sentido pra gente. E não queríamos que eles fossem necessariamente casais ou que se tornassem casais para a cerimônia. Eles entraram todos separados e não tivemos número par: eram 4 madrinhas e 6 padrinhos.

Nossos celebrantes foram nossos cunhados, com quem dividimos e compartilhamos muita coisa. Sabíamos que só eles poderiam falar da gente melhor que ninguém. Uma madrinha e um padrinho também discursaram pra gente dando os seus votos.

A entrada fizemos com nossos cachorros, pois eles eram parte da nossa vida e precisavam ser parte importante da nossa celebração.

A nossa dança foi feita na saída do altar, com um palco improvisado e a música que sempre embalou nossos carnavais.

frufru

Meu vestido de noiva e o terno dele

Eu queria um vestido mais carnavalesco mas que ainda me deixasse noiva. Trouxe algumas referências para a minha estilista e juntas chegamos no modelo final. Confesso que às vezes tinha momentos de dúvidas sobre deixar de lado o vestido branco. Mas no fim, foi a melhor escolha que eu poderia ter. Me senti noiva do meu jeito, com um vestido que era a minha cara e a cara do tema: colorido, delicado e elegante.

O Tomás também queria um terno diferente e optou pelo roxo, sem medo de ousar e com a cor que adora!

frufru

Algumas mudanças de planos

Inicialmente imaginamos que o casamento seria menor do que realmente foi. Mas contamos com excelentes fornecedores que capricharam em todos os detalhes para que aquele dia fosse único!

A decoradora foi a última fornecedora que fechamos. Até o último segundo pensei na possibilidade de fazer toda a decoração por conta com a ajuda de amigos, mas ainda bem que encontrei a Lu! Ela entendeu toda a minha ideia e cuidou de todos os detalhes para que aquela praça fosse o palco perfeito para aquele dia.

frufru

A escolha dos fornecedores

Desde o início eu não queria fechar com nenhum fornecedor muito famoso. Queríamos ter uma celebração única! Com fornecedores minimamente pensados para estar com a gente naquele dia e que não cobraria pelo nome que tinham. Então pesquisamos muito e pedimos muitas indicações até chegarmos em nomes perfeitos. Eles foram verdadeiros parceiros em fazer esse dia dar certo.

Depois da celebração na praça fomos para um buffet próximo à praça e fizemos a nossa sessão de fotos em uma rua próxima.

Foi tudo perfeito, muito colorido, divertido, com todo o amor que poderia ter e o melhor: a nossa cara!

Espero que vocês gostem da nossa história e que ela possa inspirar seus leitores a fazerem casamentos mais personalizados.

Beijos,

Suelen”

casamento no carnaval casamento no carnaval casamento no carnaval