A história da Juliana e do Albano começou com um livro. E tudo no casamento teve a ver com isso. Até as lembrancinhas do casamento foram livros.

Isso mesmo que você leu. Livros como lembrancinhas de casamento!! E até a sessão de fotos pré wedding foram feitas numa livraria. Coisa mais linda!

Eu amo quando os casais colocam um pouco da sua personalidade no casamento, deixando claro que aquele casamento é deles, só deles. E não poderia ser de mais ninguém!

frufru

Tudo começou por causa de um livro

“Eu e o Albano, somos amantes de livros, começamos a conversar por causa do livro do Dan Brown e depois disso não paramos mais.

Foram 9 anos de namoro, sendo 7 anos à distância. Cada um em uma cidade por causa da faculdade e até um intercâmbio teve no meio dessa loucura toda.

Mas enfim, depois de estarmos morando juntos há quase 2 anos, minha mãe resolveu bancar o casamento e me deu um valor X para fazer o grande dia. E pasmem!, consegui tudo que desejava no valor estipulado.

frufru

Tudo começou sem pedido de casamento

Os preparativos começaram sem pedido de casamento. Por morar em cidade pequena foi mais difícil pois os fornecedores não tem cadastros em sites de pesquisas, alguns não tem nem Instagram. Foi tudo na base de ligar, pedir indicação…

Teve até um vestido comprado na OLX, mas depois achei uma promoção no ateliê que faz sob medida o vestido. Ou seja, também tenho dois vestidos de noiva, rsrs.

frufru

Mas o pedido de casamento chegou

Finalmente rolou o tão esperado pedido de casamento. Foi em uma livraria, na capa de um livro do Dan Brown. Pena que o único livro que tinha era INFERNO. Meio sugestivo, rsrsr, mas foi perfeito nas imperfeições.

Mesmo sabendo que esse dia ia chegar, eu chorei mesmo assim.

frufru

Nossas fotos pré wedding

Não iria fazer as fotos pré wedding, pois não gostava da ideia de ir num campo, cachoeira ou praia. Por isso preferi fechar o making of do noivo ao invés do pré.

Mas tínhamos uma câmera e resolvemos fazer na livraria cultura em São Paulo, e ficou nossa cara!!

Pronto agora a gente tinha fotos pro site. O site fiz com muito carinho (e com dicas da nossa comunidade do face), recebi vários elogios sobre ele. Queria que as pessoas se sentissem acolhidas e queridas, e isso fez com que a gente ganhasse bastante presente. rsrs

pre-wedding-livraria pre-wedding-livraria pre-wedding-livraria pre-wedding-livraria pre-wedding-livraria

frufru

Nossa celebrante

Sabíamos também que não queríamos casamento na igreja porque padre daqui faz o mesmo casamento para todos. E como vamos em muitos já sabíamos a cerimônia de cor.

No início iria ser uma prima que iria celebrar porém, quando vi seu vídeo com a Renata da Conto de Vista, me encantei com o estilo da cerimônia.

Como falei anteriormente meu orçamento era apertado. E foi só depois, com economias em outros fornecedores, que consegui o valor para fechar com a Renata. Mas aí Renata não tinha mais a minha data. Nessa hora me indicaram a Gabi com Açúcar, super fã da Renata, ela tem até a assinatura simbólica na cerimônia dela.

Foi um dos fornecedores que mais fiquei feliz em fechar, pois sabia que minha cerimônia seria muito diferente e com muito mais sentido para nós.

frufru

Detalhes da nossa decoração

Eu sentia muita confiança no meu decorador, então mandei algumas fotos de inspiração e deixei a criatividade dele fluir. Falei o que não queria, como arranjos altos na mesa (porque sempre atrapalha conversar). Eu também não tinha uma paleta definida, e não queria arranjos muito certinhos. Tinha o estilo Boho Chic como referência.

Mas ele me surpreendeu, nunca na cidade houve um casamento nesse estilo e foram só elogios, parecia casamento Pinterest, rs.

frufru

Livros como lembrancinhas de casamento

Minhas lembrancinhas foram feitas por mim. Fiz sais de banho e temperos e consegui dar livros de lembrancinhas.

O livro tinha um marcador de paginas com uma mensagem nossa e amarramos a renda do meu vestido nele. Ah, também fiz uma dedicatória em cada um deles. Achei que não fosse conseguir dar livros mas um sebo patrocinou os livros por ser fã do meu esposo, rs.

Tem outro lindo casamento aqui no blog  onde as lembrancinhas também foram livros. Vem ver!

frufru

A cerimônia mais marcante

Eu acho que o que mais queria era que a cerimônia fosse marcante. Queria que as pessoas dessem valor na cerimônia e a festa fosse só um bônus

E nós conseguimos, todos que me cumprimentaram disseram, “Foi a cerimônia mais linda de toda minha vida, foi emocionante, não foi cansativa”. E todos que não conheciam a nossa história para chegar lá, começaram a conhecer.

Meu noivo disse que não ia chorar, mas quando eu comecei a entrar ele já tava chorando horrores.

Uma das escolhas de não ser na igreja, foi porque perdemos a mãe dele faz dois anos e foi muito triste. Mas a Gabi conseguiu trazer ela para cerimônia de forma mais leve, sem muita tristeza. Coloquei uma rosa vermelha que ela gostava na cadeira dela, e acredita que até hoje a rosa está intacta, 15 dias depois.

Foi engraçado ver as fotos depois, todo mundo emocionado… Alguns me disseram que não tinha chorado, até minha irmã entrar com as alianças. Ela é deficiente e quis que meu pai também a levasse pro altar, já que ela não vai casar. Foi a oportunidade dele levar as duas filhas pro altar e essa hora foi maravilhoso e emocionante.

frufru

O que fizemos de diferente

Não fui de sapato branco, ele era verde e baixinho de couro. Fiz topo de bolo personalizado de biscuit. Não usei bolo fake. Não foi buffet, porque gosto de comida de verdade. Os docinhos foram os mais tradicionais e as forminhas eram de vários modelos e cores.

Eu acho que fui tudo perfeito e inesquecível, alguns detalhes saíram fora do planejado mas fiquei sabendo só no outro dia, por isso a importância de uma boa assessoria.

frufru

Uma dica importante para as noivas

Tudo é planejamento e se sentir segura com os profissionais que você escolheu.

Eu terminei meu planejamento 6 meses antes, com isso tive tempo de pensar em tudo, planos B e C.

Outra coisa também é ser realista, se vier chuva, abrace o momento e aproveite, pois é a única coisa que não controlamos.

E super indico passar o dia com as madrinhas, foi fantástico, super harmonioso e engraçado.

frufru

Uma felicidade sem fim

Eu com certeza fui uma das noivas mais calmas e tranquilas , todos comentaram isso. E isso fez com que eu aproveitasse e ficasse realmente presente em tudo.

Assisti aos seus videos e outros conteúdos de casamento, que fazem com que a gente perceba que tem coisas que fogem do nosso controle. Mas nos ajudam principalmente a aceitar nossas escolhas com o budget que temos disponível e não nos esquecermos que o mais importante vai estar lá que é seu amor te esperando, com a cara mais linda e apaixonada.

E outra coisa, nunca vi minha mãe tão feliz na vida, ela estava radiante que nem chorou. Só conseguia ficar sorrindo. Já meu pai, quando me viu chegar de carro, já estava chorando, ele é uma manteiga derretida.

Bel, mais uma vez, meu muito obrigada por tudo, tentei falar de maneira resumida aqui mas se pudesse escrevia um livro desse dia, com certeza foi o dia mais feliz da minha vida e olha que não imaginava que iria casar um dia assim.

Que Deus te abençoe e te ilumine muito!

Um super beijo de uma NOIVA que NÃO TEM QUE SER NADA!!! “

Juliana

making-of-noiva-8 making-of-noiva making-of-noiva noiva-carro noiva-pai casamento-de-dia-ao-ar-livre lagrimas-de-alegria decoracao-casamento-ar-livre entrada-noiva-pai-mae entrada-noiva-pai-mae beijo-dos-noivos casamento-ao-ar-livre-de-dia-9 noivo-chorando cerimonia-casamento-45 entrada-irma-deficiente entrada-irma-deficiente-casamento homenagem-casamento-4 livro-casamento-56 livro-cerimonia-casamento-personalizado livro-no-casamento-cerimonia livro-no-casamento madrinhas-de-azul chuva-de-arroz-saida-noivos livros-lembrancinhas-casamento suculentas-casamento flores-decoracao-casamento primeira-danca-noivos noiva-bouquet-8 noiva-bouquet noivos noivos topo-de-bolo-biscuit-youtube bolo-de-casamento beijo-noivos noiva-vestido noiva

frufru

E você, já pensou nessa possibilidade de dar livros como lembrancinhas de casamento? Eu amaria ter tido essa ideia na época do meu casamento!