Ai… eu queria tanto que vocês pudessem ver as minhas expressões lendo os relatos e vendo as fotos dos casamentos que eu posto aqui… Porque quando eu vou escrever fico com a sensação de que estou sendo repetitiva. É que depois de mais de 2000 posts eu não sei mais como encontrar palavras pra descrever as emoções que eu sinto. E sinto mesmo, de verdade.

A cada post queria que vocês estivessem aqui pra gente ver essas fotos juntas, comentar os detalhes…

Mas enfim… deixa eu parar de delirar.

O casamento da Bella e do Raul aconteceu na Igreja da Pampulha, por um golpe de sorte da vida (vocês acreditam em sorte? Eu não, na verdade. Acredito em energias e acho que eles atraíram isso de certa forma). E como todos os casamentos que acontecem lá, foi lindo. Mas a festa, na minha opinião, foi mais ainda. O decór estava DESLUMBRANTE!!! Digno de um super UAU. As fotos, maravilhosas.

Mas o que mais ganhou meu coração foi a própria Bella!! Amei demais o vestido, o penteado, a sandália, a tiara e o brinco!! Suuuuper delicado, romântico, do jeitinho que eu gosto. Apaixonei.

frufru

A Igrejinha sempre foi um desejo

“O seu trabalho é tão importante pra ajudar e inspirar quem vai se casar, que você não imagina! Espero que meu casamento possa inspirar (e ajudar) outras noivas, assim como muitos aqui me inspiraram e ajudaram.

Descobri, através do Casando em BH, que a Igrejinha da Pampulha estava realizando casamentos outra vez. Eu já estava com tudo preparado, cerimônia e recepção no mesmo lugar, mas a Igrejinha sempre foi um desejo. Por Niemeyer, por Portinari e também por ser a cara da minha cidade.

O único problema era que eu estava a três meses do casório. Parecia impossível conseguir minha data e meu horário, já que todos os outros fornecedores estavam contratados. Ainda assim, pedi pra minha mãe dar um pulo lá. Desencargo de consciência, sabe? Quando ela estava lá, já chorosa por mim, pois não tinha conseguido, o telefone da secretaria da igreja tocou e era o noivo do meu dia e do meu horário, desistindo da reserva.

Diante do “milagre”, imprimir os convites novamente parecia nada, certo? Sim, imprimimos de novo, pois já estavam prontos. Outra coisa: imagina um sábado, três da tarde, a porta da Igrejinha de curiosos e turistas? Me senti quase uma super star!! Enfim, foi tudo lindo, cheio de amor, harmonia só!

frufru

Eu e Raúl nos conhecemos no Rio.

Eu morava lá e ele, que é de Madrid, estava no Brasil conduzindo um projeto na cidade. Foi na Lapa, quase de manhã, coisa que você pensa que não vai dar em nada e olha só? E o pior de tudo é que ele e seu colega se aproximaram de mim e meus amigos porque o tal colega queria me conhecer. Quando o Raúl percebeu que não ia dar em nada, resolveu voltar com a gente, já que o seu hotel estava pertinho de onde nós morávamos. Foi então que nos últimos minutos resolveu pedir meu telefone e eu disse não, mas ele não desistiu e pediu o e-mail, aí eu cedi!!

Acordei no outro dia com um convite pra jantar e desde então, estamos juntos, ainda que nem sempre fisicamente. Foram longos períodos de muito skype e incertezas, um oceano de distância não é mole. E o pior de tudo é que os dois estavam engajados em projetos pessoais. Levamos a coisa a distância durante um ano e quatro meses. Foi então que eu concluí meu MBA e um projeto na empresa onde trabalhava. Fiz as malas e fui me encontrar com ele em Houston. Moramos alguns meses ali e depois seguimos pra Madrid.

frufru

Fui uma noiva insuportável

Organizei tudo morando fora e com a ajuda das minhas irmãs e minha “santa” mãe. Santa mesmo, porque eu sou chata por natureza, noiva fiquei insuportável. Elas foram braço direito e esquerdo.

Aliás, santa e artista. Foi ela quem fez as caixas dos padrinhos (os padrinho de lá receberam com gostosuras daqui e vice-versa), o cabide pro meu vestido, os saquinhos de arroz, os lencinhos pras lágrimas (eram de linho com carimbo personalizado), os sousplats para as mesas dos convidados (eram cobertos com poemas em português e espanol e detalhe em decoupage) e o melhor de tudo: minha tiara!!

Eu havia visto algo parecido no Pinterest e como não encontrava nada, fiz o desafio (mas porque já conhecia o talento dela pra coisa, né?). Os guardanapos também mandamos fazer. O bom disso é que eu tenho sousplats e guardanapos do casório em casa e uso quando tem festinhas :)))

frufru

Nossas escolhas para o grande dia

O meu vestido eu queria simples, sou baixinha e não é todo modelo que fica bem. Morando na Espanha confesso que não foi muito difícil. Nunca tive nenhum modelo idealizado (na verdade não pensava muito no tema), gosto do vintage e a única coisa que sabia é que não seria branco, branco. Acho que provei uns 3 e pronto, renda quipir bege e era esse.

Toda a parte de papelaria fui eu quem fez. Convites, cartões postais para as mensagens (com aquarelas de imagens de BH e Madrid), tags e menu. Encontrei uma gráfica de convites que comprou minha ideia e fez tudo perfeito. Selei (selos antigos do Brasil e Espanha) e carimbei todos os convites, a ideia era dar uma cara de correspondência antiga!

A música da cerimônia foi o pessoal da Minueto. Impecáveis desde o primeiro contato! Simplesmente arrasaram tocando Pearl Jam, Beatles, Jimi Hendrix e etc. no violão e violino.frufru

Os detalhes do dia do casamento

O toque espanhol ficou por conta da mãe do Raúl que usou mantilla e ele que casou-se com medio chaquet. Na Espanha o chaquet é utilizado em noventa e nove por cento dos casamentos. Consegui convencê-lo a usar o médio chaquet no Brasil. UFA.

Teve show de dança flamenca do meu sogro lindo e da minha cunhada! O espumante era “cava rosado”. E claro, teve churros com chocolate pra levantar a glicose do povo!

Tinha pashmina, porque era julho, na beira da Lagoa da Pampulha e o Deck é totalmente aberto, mas…a mulherada usou mesmo foram os leques que a minha cunhada trouxe de lembrança da Espanha. Fez um calor inimaginável e os aquecedores foram só decoração.

A decoração quem fez foi a simpatia da Ana Carla do Floriana BH. Mais talentosa impossível e além disso tem um acervo de peças de enlouquecer. E o bouquet que ela fez??? Exatamente como eu imaginei, e isso não tem preço. Casualidade, o pantone 2015 era marsala e… era tudo que eu queria. Misturamos estilos e o vintage estava presente em vários detalhes.

Não quis bolo de noiva tradicional, ao invés de um bolo de três andares, fiz três diferentes e cada um de um sabor.

Em abril vamos celebrar na Espanha. Isso mesmo, vamos nos casar de novo. A cor predileta do Raúl é o azul (dá uma olhada na gravata e colete) e vou me inspirar no azul serenity, casualidade, outra vez, um dos pantones 2016!

Bella”

Casamento-de-dia-Bella-Raul (2)

Casamento-de-dia-Bella-Raul (3)

Casamento-de-dia-Bella-Raul (5)Casamento-de-dia-Bella-Raul (8)Casamento-de-dia-Bella-Raul (9)Casamento-de-dia-Bella-Raul (10)Casamento-de-dia-Bella-Raul (15)Casamento-de-dia-Bella-Raul (11) Casamento-de-dia-Bella-Raul (12)

Casamento-de-dia-Bella-Raul (16) Casamento-de-dia-Bella-Raul (17) Casamento-de-dia-Bella-Raul (18) Casamento-de-dia-Bella-Raul (19) Casamento-de-dia-Bella-Raul (20) Casamento-de-dia-Bella-Raul (21) Casamento-de-dia-Bella-Raul (22) Casamento-de-dia-Bella-Raul (23) Casamento-de-dia-Bella-Raul (24) Casamento-de-dia-Bella-Raul (25) Casamento-de-dia-Bella-Raul (26) Casamento-de-dia-Bella-Raul (27) Casamento-de-dia-Bella-Raul (28) Casamento-de-dia-Bella-Raul (29) Casamento-de-dia-Bella-Raul (30) Casamento-de-dia-Bella-Raul (31) Casamento-de-dia-Bella-Raul (32) Casamento-de-dia-Bella-Raul (33) Casamento-de-dia-Bella-Raul (34) Casamento-de-dia-Bella-Raul (35) Casamento-de-dia-Bella-Raul (36) Casamento-de-dia-Bella-Raul (37) Casamento-de-dia-Bella-Raul (38) Casamento-de-dia-Bella-Raul (39) Casamento-de-dia-Bella-Raul (40) Casamento-de-dia-Bella-Raul (41) Casamento-de-dia-Bella-Raul (42) Casamento-de-dia-Bella-Raul (43) Casamento-de-dia-Bella-Raul (44) Casamento-de-dia-Bella-Raul (45) Casamento-de-dia-Bella-Raul (46) Casamento-de-dia-Bella-Raul (47) Casamento-de-dia-Bella-Raul (48) Casamento-de-dia-Bella-Raul (49) Casamento-de-dia-Bella-Raul (50) Casamento-de-dia-Bella-Raul (51) Casamento-de-dia-Bella-Raul (52) Casamento-de-dia-Bella-Raul (53) Casamento-de-dia-Bella-Raul (54) Casamento-de-dia-Bella-Raul (55) Casamento-de-dia-Bella-Raul (56) Casamento-de-dia-Bella-Raul (57) Casamento-de-dia-Bella-Raul (58) Casamento-de-dia-Bella-Raul (59) Casamento-de-dia-Bella-Raul (60) Casamento-de-dia-Bella-Raul (61) Casamento-de-dia-Bella-Raul (62) Casamento-de-dia-Bella-Raul (63) Casamento-de-dia-Bella-Raul (64) Casamento-de-dia-Bella-Raul (65) Casamento-de-dia-Bella-Raul (66) Casamento-de-dia-Bella-Raul (67) Casamento-de-dia-Bella-Raul (68) Casamento-de-dia-Bella-Raul (69) Casamento-de-dia-Bella-Raul (70) Casamento-de-dia-Bella-Raul (71) Casamento-de-dia-Bella-Raul (72) Casamento-de-dia-Bella-Raul (73) Casamento-de-dia-Bella-Raul (74) Casamento-de-dia-Bella-Raul (75) Casamento-de-dia-Bella-Raul (76) Casamento-de-dia-Bella-Raul (77) Casamento-de-dia-Bella-Raul (78) Casamento-de-dia-Bella-Raul (79) Casamento-de-dia-Bella-Raul (80) Casamento-de-dia-Bella-Raul (81) Casamento-de-dia-Bella-Raul (82) Casamento-de-dia-Bella-Raul (83) Casamento-de-dia-Bella-Raul (84) Casamento-de-dia-Bella-Raul (85) Casamento-de-dia-Bella-Raul (86) Casamento-de-dia-Bella-Raul (87) Casamento-de-dia-Bella-Raul (88) Casamento-de-dia-Bella-Raul (89) Casamento-de-dia-Bella-Raul (90) Casamento-de-dia-Bella-Raul (91) Casamento-de-dia-Bella-Raul (92) Casamento-de-dia-Bella-Raul (93) Casamento-de-dia-Bella-Raul (94) Casamento-de-dia-Bella-Raul (95) Casamento-de-dia-Bella-Raul (96) Casamento-de-dia-Bella-Raul (97) Casamento-de-dia-Bella-Raul (98) Casamento-de-dia-Bella-Raul (99) Casamento-de-dia-Bella-Raul (100) Casamento-de-dia-Bella-Raul (101) Casamento-de-dia-Bella-Raul (102) Casamento-de-dia-Bella-Raul (103) Casamento-de-dia-Bella-Raul (104) Casamento-de-dia-Bella-Raul (105) Casamento-de-dia-Bella-Raul (106) Casamento-de-dia-Bella-Raul (107) Casamento-de-dia-Bella-Raul (108) Casamento-de-dia-Bella-Raul (109) Casamento-de-dia-Bella-Raul (110) Casamento-de-dia-Bella-Raul (111) Casamento-de-dia-Bella-Raul (112) Casamento-de-dia-Bella-Raul (113) Casamento-de-dia-Bella-Raul (114) Casamento-de-dia-Bella-Raul (115) Casamento-de-dia-Bella-Raul (116) Casamento-de-dia-Bella-Raul (117) Casamento-de-dia-Bella-Raul (118) Casamento-de-dia-Bella-Raul (119) Casamento-de-dia-Bella-Raul (120) Casamento-de-dia-Bella-Raul (121) Casamento-de-dia-Bella-Raul (123) Casamento-de-dia-Bella-Raul (124) Casamento-de-dia-Bella-Raul (125) Casamento-de-dia-Bella-Raul (126) Casamento-de-dia-Bella-Raul (127)

frufru